GLOBO X RECORD – MONOPÓLIO EM QUEDA???

7 02 2011

Reproduzo artigo do Blog do Miro (http://altamiroborges.blogspot.com), escrito pelo próprio Miro.

Surge nas transmissões de futebol, essa mina de grana, a possibilidade de quebra de mais um monopólio que a Rede Globo exerce no país… e que o gigante caia de vez!!!

 

Futebol acirra disputa Globo X Record

Por Altamiro Borges

Uma das maiores minas de ouro da televisão, o Campeonato Brasileiro de Futebol, está sendo palco de uma encarniçada disputa entre as principais emissoras do país. A TV Globo, que faz fortuna com a “preferência” na transmissão, corre sério risco de perder a monopólio que mantém desde os tempos sombrios da ditadura militar. A TV Record, sua principal concorrente, lidera um grupo de emissoras que se insurgiu contra este privilégio. A decisão sobre esta guerra fratricida deve sair nas próximas semanas.

Mudanças das regras no Cade

As redes de televisão têm cerca de 20 dias para entregar as propostas oficiais de exibição dos campeonatos de 2012 e 2013 para o Clube dos 13, que reúne os principais times de futebol do país. De acordo com as regras fixadas em agosto de 2010 pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), a Globo perdeu a “preferência” no direito de transmissão do torneio. Agora, todas as emissoras podem concorrer em pé de igualdade, embora nem todas tenham os recursos necessários para bancar tal empreitada.

As novas regras dividiram os cartolas do Clube dos 13. Alguns times defendem uma fórmula mais lucrativa de transmissão dos jogos, com a quebra do monopólio. Outros temem que o fim da exclusividade reduza o número de anunciantes e dos recursos em publicidade, e resulte em perda de audiência. A pressão da TV Globo para manter seu privilégio tem sido brutal, o que levou a Record, que também disputava a exclusividade, a propor que todos os canais se unam e comprem os direitos em conjunto.

A ousadia da TV Record

A transmissão ficaria a critério de cada emissora participante do “pacote”, assim como poderia ser alterado o horário das partidas – hoje submetido à ditadura da Globo, que penaliza os amantes do futebol. Segundo boatos, a famiglia Marinho está desesperada com a possibilidade de união das concorrentes. Seus prepostos já tentaram “seduzir” alguns dos insurgentes, mas esbarraram em dificuldades. TV Bandeirantes e RedeTV sinalizaram certa simpatia com a proposta mais “equitativa” da Record.

A rede de Edir Macedo, como de costume, não está brincando nesta disputa. Especula-se que a Record possa oferecer de R$ 750 milhões a R$ 1 bilhão pelos direitos do Campeonato Brasileiro 2012 e 2013. A emissora já tem a exclusividade da transmissão dos Jogos Pan-Americanos, em 2011, e das Olimpíadas de 2012, em Londres. Caso vença a parada, será um duro golpe no monopólio exercido durante décadas pela ex-poderosa TV Globo. A briga é encarniçada. Tem muita grana em jogo nesta contenda.

E vc, o que acha?? O torcedor não deveria ser mais respeitado em seus direitos e não somente como potencial consumidor???

 

 


Ações

Information

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: